Tondela reage: "Obrigado futebol português por seres cada vez mais justo"

Empresário diz que depois do Papa veio o Hitler e fala de jogos viciados
20/02/2018
Jorge Jesus faz uma vénia à claque do Boavista
20/02/2018

Tondela reage: "Obrigado futebol português por seres cada vez mais justo"

O Tondela mostrou as consequências de uma falta sofrida por Bruno Monteiro (que saiu do estádio apoiando-se em muletas) no tempo de compensação e fez as contas ao que aconteceu.
“Foi este o nosso anti-jogo…: 90′ – Árbitro dá 4 minutos de compensação; 90’+3,41 – Bruno Monteiro sofre entrada de William e fica com a perna neste estado; 90’+6,08 – Jogo é reatado; 90’+8,01 – Golo do Sporting”, foi sublinhado.
“Amanhã já ninguém se lembra, foi contra o Tondela. Obrigado futebol português por seres cada vez mais justo e tratares cada vez de forma mais igualitária todos os teus clubes, sobretudo os que tanto te honram”, acrescentou-se.

IMG_2106.JPG
Também Vítor Ramos, diretor de comunicação do Tondela, comentou o que aconteceu:
Hoje sofremos na pele tudo aquilo que é o futebol português, tudo aquilo que é a cultura desportiva instalada em Portugal, tudo aquilo que me enoja, que defrauda quem ama este desporto.
Ai se fosse ao contrário… o que não se falaria durante meses sobre isto. 19 segundos de tempo de compensação por cumprir transformados em 5 minutos. Mas como é o Tondela amanhã já ninguém se lembra. Basta! Os 30 clubes profissionais em Portugal têm duma vez por todas de tomar uma posição firme contra isto… que joguem sozinhos! Façam um campeonato a 3, afinal de contas para levar aos 3 e aos 5 na Champions não é preciso mais. Dividam o bolo só entre eles, clássicos e dérbis todas as semanas, os jornais deliravam, as televisões babavam-se, era um festim todas as semanas, um mundo perfeito! Ao menos poupavam-nos às humilhações, à falta de respeito, à desigualdade, à injustiça, ao NOJO!

PS: também sou director de comunicação mas este, como tantos outros posts a valorizar o futebol português como um todo que sempre faço, nunca chegam às manchetes dos jornais, não merecem tempo de antena nas televisões, não merecem eco em coisa alguma.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *