Mossad investiga sucesso de Lito Vidigal

No Rio Ave foram todos meninas
13/03/2017
Ronaldo bisa e um muçulmano converte-se ao cristianismo (melhor seria dizer, espiritismo)
13/03/2017

Mossad investiga sucesso de Lito Vidigal

17155615_922036691269729_7036286740642844808_n
A poderosa Mossad, também conhecida por “O Instituto”, está a investigar o enorme sucesso que Lito Vidigal ao serviço do Maccabi de Telavive. A agência de inteligência israelita não entende como é que um treinador pode ter uma performance de cinco jogos, cinco vitórias.
A equipa do treinador que levou o Arouca à Liga Europa igualou o Hapoel Be’er Sheva mas esta equipa, da cidade com o mesmo nome e onde joga o central português Miguel Vítor, tem menos um jogo. Partida que encerra a fase regular do campeonato, seguindo-se um mini-campeonato com os seis primeiros, com as equipas a manterem os pontos com que terminaram a primeira fase.
Quando chegou a Telavive, foi pedido a Lito Vidigal que colocasse a equipa na luta pelo título. A equipa estava a 5 pontos do atual líder do campeonato. Agora conseguiu colocar-se a par mas pode partir para a última e decisiva fase com menos 3 pontos. Tudo pode acontecer e Lito tem a possibilidade de se sagrar campeão onde Paulo Sousa, no início da sua carreira, também foi campeão. O ex-técnico do Arouca tem potencial para saltar alto desde o trampolim israelita.
12669554_10208639451933199_6451415314148577367_n
Lito Vidigal faz parte do ‘portefólio´ da FootbalUnited, uma empresa recentemente criada pelo jornalista João Rui Rodrigues, que já passou pelos jornais ‘O Jogo’ e ‘Record’, antes de se tornar diretor de comunicação do Sp.Braga.  A FootballUnited está em crescimento e tem estabelecido parcerias importantes com empresários fortes no mercado. Para além de Lito, acaba de assinar com o vitoriano Alex Pinto, uma das mais cotadas promessas do clube de Guimarães. Foi também esta empresa que colocou Bakic em Braga e Hildeberto no Nottingham.
Voltando a Lito Vidigal e à Mossad, acho que estamos em condições de lhe dar uma importante chave para explicar o sucesso de Lito Vidigal: o professor Neca seguiu viagem com ele para Israel.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *