O pequeno genial faz 59 anos

Fernando Chalana completa hoje 59 anos mas para quem ama o futebol continuará ser sempre o Pequeno Genial – assim batizado pelo jornalista Neves de Sousa – ou o “Chalanix” que encantou os relvados na primeira metade da década de 80 do século passado. Foi ele quem levou a seleção nacional ao colinho até à fase final do Campeonato da Europa de 1984, no tal grupo dos “Patrícios” que tinha quatro treinadores, mais uma originalidade do futebol português.

Tive a sorte de conhecer bem o Fernando e a Anabela nessa altura. Gente boa, simples, apesar da ameaça de a todo o momento serem submergidos pelo foco mediático. Chalana estava no seu apogeu e depois do Euro viria a assinar um contrato milionário pelo Bordéus. Não foi feliz em Franca, as lesões sucederam-se e a estrelinha deixou de brilhar. Mas enquanto brilhou foi sensacional. Aquele pé esquerdo à Garrincha fez as nossas delícias.

Com Chalana, Portugal esteve a um curto passo de ser pela primeira vez campeão europeu. Faltou aquele bocadinho assim mas muitas vezes as melhores histórias não nos falam de triunfos. Neste caso, Chalana ajudou a escrever uma das mais brilhantes páginas da história do futebol português.

Obrigado, Fernando!

Anúncios