“Respeito um treinador de futebol como respeito um vendedor de pipocas”, diz Sérgio Conceição

“Tenho respeito por toda a gente. O verdade limite no futebol é mesmo esse respeito pela verdade desportiva. O que tem de falar por mim são os resultados, é o futebol que nós praticamos”, acabou de afirmar Sérgio Conceição, a propósito da polémica com Rui Vitória.

“Não sou um ‘yes man’, não faço desse grupos de pessoas mais dadas a dizer sim que não. Respeito um vendedor de pipocas, respeito um treinador de futebol, respeito um roupeiro…”, acrescentou. Falta saber se Sérgio Conceição quis aqui fazer alusão a um episódio protagonizado por Rui Vitória há algum tempo.

Quanto ao que se passou, Conceição reafirmou que foi um momento “menos feliz da minha parte” mas continua “a reafirmar a incoerência” que referiu atrás.

Anúncios