A emoção de João Malheiro

“Faz hoje quatro anos! Vergo-me, emocionadamente, à memória do meu ídolo, do meu amigo, do meu padrinho, do desportista singular e planetário…”, foi assim que João Malheiro assinalou a passagem de quatro anos sobre a morte de Eusébio da Silva Ferreira. O biógrafo do King não esquece o grande amigo que o inspirou e com o qual manteve uma grande cumplicidade.

Anúncios