O VAR da Liga

23167775_937972126378433_4795936682576165285_n.jpg

A introdução do VAR sempre foi, tal como um dia disse o antigo central boavisteiro Litos, por suas vez parafraseado ironicamente por Jaime Pacheco (que assim adquiriu para muitas a autoria da tirada, uma faca de dois legumes.

Um deles é claramente o nabo. O outro, se quiserem, pode ser a nabiça.

Queixa-se o Belenenses de duas grandes penalidades que ficaram por marcar em momentos críticos do jogo no Dragão, ambas cometidas por Felipe. A repetição exaustiva das imagens a tal nos induz mas o futebol não é um vídeo jogo e a verdade desportiva um fundamentalismo.

O futebol sempre viveu da sua subjetividade.

A introdução das tecnologias abriu a Caixa de Pandora, validando a discussão de café, onde a razão raramente entra nem sequer para beber uma mini.

O VAR apenas tem vindo a acentuar a desconfiança. Não é que a confiança fosse muita no jogo das 17 leis que a maioria dos seus amantes em geral desconhecem.

Houve um tempo em que tivemos o bar da Liga. Hoje temos o VAR na Liga.

A suspeita segue dentro de momentos num Café Tony perto de si.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s