Entrevista BnA com Sá Pinto: “Há espaço na Grécia para jogadores portugueses”

Ricardo Sá Pinto está feliz na Grécia. O “seu” Atromitos ocupa a 8.ª posição do campeonato helénico, 11 pontos acima da linha de água. O treinador português chegou a Peristeri, um subúrbio de Atenas, com a missão de tirar o clube dos lugares de despromoção. Missão desde já cumprida e um convite em cima da mesa para renovar contrato. Aos 44 anos, o treinador que passou por Sporting e Belenenses, entre outros clubes, deverá permanecer na Grécia e a BnA revelou a intenção de reforçar o Atromitos com jogadores provenientes do campeonato português.
rspinto
– Como tem corrido esta sua segunda experiência no Atromitos?
– Quando cheguei, o clube estava numa situação difícil em termos de resultados. A
equipa estava próxima dos lugares do fundo da tabela em termos pontuais, não ganhava há seis ou sete jogos e, portanto, estava com uma grande crise de confiança. Pediram-me para colocar a equipa a ganhar o mais rapidamente possível e para devolver a confiança, este era o objetivo principal e foi atingido. Conseguimos quatro vitórias seguidas, em que a equipa ganhou com mérito, ganhou confiança, subiu na tabela classificativa, distanciou-se dos lugares de baixo da classificação e consolidou a sua posição.
Esta é já a minha segunda passagem pelo Atromitos e há espaço para os portugueses na Grécia, sobretudo para jogadores
– Portanto, deduz-se que a missão está cumprida…
– Estou satisfeito com o clube e com a forma como as pessoas se têm envolvido. Satisfaz-me a vontade dos dirigentes, nomeadamente o presidente, que quer renovar comigo. A verdade é que sou o terceiro treinador esta época. Esta é já a minha segunda passagem pelo Atromitos e há espaço para os portugueses na Grécia, sobretudo para jogadores. Com certeza que o mercado português de jogadores será um mercado a explorar, se continuar aqui na Grécia.
– Desde a Grécia, como vê esta ponta final eletrizante do campeonato português?
– O campeonato português é sempre competitivo até ao final. Não tenho
acompanhado como gostaria, como sabe estou muito envolvido aqui no treino e liderança do projeto que abracei na Grécia. No entanto, vou estando atento, através da comunicação social. Tal como sei que, por exemplo, estamos a ser pioneiros na utilização das novas tecnologias, com o vídeo-árbitro, agora na final da Taça de Portugal.
Acho que o futebol português está a passar por uma boa fase e não é só por causa da vitória no Euro
– O futebol português está no bom caminho?
– Acho que o futebol português está a passar por uma boa fase e não é só por causa da vitória no Euro. A Seleção de sub-21, está a ser bem liderada pelo Rui Jorge e merecia ter ganho o Euro. Existem bons valores portugueses, os resultados coletivos também estão bem, portanto é bom que isto aconteça, é bom para o futuro do futebol português que tenha novas gerações e que se afirme e continue a lutar por lugares mais apetecíveis em competições internacionais. Penso que estamos no caminho certo.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s