Vídeo-árbitro estudado para acontecer em estúdio e não no estádio

 

Já sabemos que a final da Taça de Portugal, a disputar no próximo dia 28 de maio, vai contar com vídeo-árbitro e desta vez não será simulação. A Federação Portuguesa de Futebol sempre à frente. Por isso, vai começar a ser cada vez mais importante não saber quem é o árbitro do jogo mas sim quem é o vídeo-árbitro, ou seja, quem vai tirar todas as dúvidas. O árbitro que estiver de serviço na régie terá ser pelo menos do nível do árbitro que estiver no terreno. Não estamos a falar de um 4.º árbitro mas realmente de um árbitro de primeira. Em princípio, o árbitro que julgará pelas imagens os lances que suscitem dúvidas ao árbitro do terreno ou que por demasiado flagrantes este não tenha vislumbrado estará em princípio numa espécie de régie junto ao estádio onde o jogo se disputa. O que pode criar alguns problemas, como é fácil de calcular. Por isso, sabe BnA, o Conselho de Arbitragem da FPF está a ponderar proporcionar todas as condições na própria cidade do futebol. No fundo, as imagens que chegam a uma carrinha de exteriores ou a um estudo são exatamente as mesmas e o árbitro “videonário” está sempre em contacto com o realizador. Em caso de polémica, em vez de olhar para todos os lados quando sair da carrinha, tem aqui a possibilidade de sair tranquilamente para o seu carro estacionado na Cidade do Futebol…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s