FPF torna obrigatório policiamento em jogos de clubes com cadastro e dá tolerância zero à violência

A FPF reuniu na cidade do Futebol com a Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol pata defender “tolerância zero” contra a violência e anunciou policiamento obrigatório em jogos de clubes com cadastro a este nível.

Na reunião, a FPF esteve representado pelo seu vice-presidente Hermínio Loureiro, pelo diretor Pedro Dias, pelo presidente do Conselho de Arbitragem, José Fontelas Gomes, e pelo secretário-geral Paulo Lourenço. A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) fez-se representar pelo seu presidente, Luciano Gonçalves, e pelo seu vice-Presidente, Rui Rodrigues.

À saída do encontro, em declarações à FPF 360,  Hermínio Loureiro, vice-presidente da FPF, condenou veementemente todos os episódios de violência associados ao futebol, nomeadamente a bárbara agressão ao árbitro José Rodrigues no encontro entre Rio Tinto e Canelas 2010: “A FPF condena veementemente qualquer ato de violência associado ao fenómeno desportivo, neste caso ao futebol, e tem trabalhado no sentido de sensibilizar todos os agentes envolvidos contra estes episódios”, explicou.

O alto responsável federativo teve oportunidade de informar que no passado dia 25 de março a FPF reuniu com os Presidentes das Associações Distritais: “Fizemos, nessa reunião, um levantamento exaustivo de todas as situações de violências ocorridas distrito a distrito. Foi feita igualmente uma sensibilização para que exista uma atenção especial para os encontros mais decisivos da época desportiva em curso. Foi-nos garantido pelos Presidentes das Associações que esse trabalho está a ser feito e que há uma enorme coordenação com as forças de segurança distritais para que a normalidade seja evidente por esses campos fora, nos milhares e milhares de jogos organizados ao fim de semana”, sublinhou.

Depois de explicado que as várias associações mantiveram o policiamento obrigatório nos seus jogos, enquanto outras partem das comissões de segurança para definir o grau de risco dos jogos (a partir desta avaliação de rsico as forças de segurança  tomam as medidas de segurança que entendem necessárias para que os jogos possam ser realizados de forma tranquila), Hermínio Loureiro enfatizou uma nova medida contra a violência no desporto: “Os clubes com histórico de violência têm de ter policiamento obrigatório até final da época desportiva em curso”, anunciou.

O responsável federativo também lembrou a política de “tolerância zero contra a violência” que a FPF tem implementado: “Estes atos são absolutamente inaceitáveis. Temos vários exemplos dessa nossa postura. Temos uma agressão de um jogador profissional a um árbitro num encontro particular que foi punida com nove meses de suspensão e temos imposto multas pesadíssimas aos clubes das competições profissionais por incitamento à violência ou por qualquer outros atos relacionados com violência. A nossa tolerância é, repito, zero”, sintetizou.

Em relação aos atos de violência no encontro entre o Rio Tinto e o Canelas 2010, Hermínio Loureiro, depois do comunicado oficial da FPF emitido este domingo, voltou a repudiar veementemente a agressão contra o árbitro José Rodrigues: “É absolutamente intolerável e inqualificável aquilo a que ontem assistimos. Pedimos à AF Porto que nos dê todas as informações relativamente a todas as incidências do jogo. O Presidente do Conselho de Arbitragem da FPF tem acompanhado de perto tudo o que se passou e disponibilizou de imediato todo o apoio ao árbitro. O que nós desejamos é que atos como estes sejam completamente erradicados”, completou.

A finalizar, Hermínio Loureiro lembrou que o problema da violência não está confinado às questões do policiamento: “Infelizmente o ato inqualificável do passado domingo veio comprovar que o problema da violência não está diretamente relac

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s