“Lá vai ela ao futebol…ver o Benfica”

Helena Oliveira, vice-presidente da Casa do Benfica em Matosinhos, na qual recentemente Hugo Falcão tomou posse como presidente, explicou por que o Benfica e o futebol são tão importantes para si:
– Não sei porque me está a ser difícil começar este texto…
Se calhar porque acuso a responsabilidade do tema, se calhar porque os sentimentos ficam à flor da pele quando junto o facto de ser Mulher ao de ser Benfiquista…

Cresci no meio do desporto, mas também cresci com algum preconceito relativamente à vivência do mesmo!

Nunca ninguém estranhou quando me via casa equipada com as cores do meu clube de andebol e saco ao ombro, mas não evitavam os comentários quando eu saía de camisola e cachecol do Benfica: “Lá vai ela ao futebol”… 

17191242_1845533539055220_7456647570836259347_n

Perdi a conta às discussões que tive relacionadas com a vivência das mulheres no “desporto-rei”. Que eu saiba existe restrição quanto à idade mínima para entrada num estádio, mas não em relação ao género; ou estarei errada? Não, não estou. Mas apesar de muitos direitos nos terem sido dados desde o protesto das operárias da indústria do vestuário de Nova Iorque contra as más condições de trabalho, a verdade é que ainda não existe equidade entre homens e mulheres… E no desporto parece ser igual.

Mas como “só nós sentimos assim”, nós, Mulheres Benfiquistas, estamos a mudar o paradigma! Nós pintamos os estádios de vermelho, igual a papoilas saltitantes, nós gritamos do princípio ao fim do jogo, nós vibramos com os golos, sofremos com os lances perdidos, e até insultamos os árbitros! Faz parte… NÓS fazemos parte do espetáculo! Se se diz que o futebol é um jogo de paixão, quem melhor que nós, o género sentimentalista para o viver?

Pois digo-vos que me emociono sempre que ouço o nosso hino, que teimo em ficar com “pele de galinha” quando cantamos em uníssono na nossa Casa-Mãe, que choro quando perdemos uma final e que fico rouca quando marcamos um golo de tanto gritar…

Quantos de vós, Homens, se podem gabar do mesmo? E parem lá com a piada do “sabes ao menos o que é um fora de jogo?”, é que já não se aguenta… Pois claro que sei, era a posição (ou a falta dela!) do Mitroglou no golo que nos deu a vitória sobre o Estoril, na primeira eliminatória das meias-finais da Taça de Portugal! Sim, eu sei que era fora de jogo, mas acreditem que gritei como se de uma final se tratasse, porque no final de contas o que interessa é que o meu Benfica ganhe! Sempre!

Mas não só de futebol deveria viver um Benfiquista…

Eu pelo menos não vivo! Porque “a mística não está só nos relvados, mas também nos pavilhões”. Andebol, Basquetebol, Futsal, Hóquei em patins, Voleibol, Atletismo… Todos de águia ao peito! De tal forma que o meu amor não é só pelo futebol, mas também (se não mais) pelas modalidades do Glorioso!

Assim, neste Dia Internacional da Mulher, criado para lembrar as conquistas sociais, políticas e económicas das mulheres, desafio as Mulheres Benfiquistas a reivindicar o seu lugar, nos estádios e nos pavilhões, sempre no apoio ao Maior de Portugal!

Feliz Dia da Mulher para nós, e, como presente, que o Benfica nos dê muitos títulos!

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s