Pedro Martins: “Quando não se pode ganhar, empata-se”

v4fur5kh

O empate conseguido em Alvalade permitiu ao V.Guimarães reduzir danos numa jornada em que o Marítimo (que vem atrás) e o Sp.Braga (que vai à frente) venceram os seus jogos. Na luta por um lugar na Europa, o Vitória manteve a 5.ª posição mas agora com uma vantagem de 3 pontos sobre os insulares e vendo o velho rival minhoto descolar dois pontos.

“Pecámos na finalização mas o golo que conseguimos foi fruto da nossa entrega e do que sentimos durante o intervalo, isto é, que havia condições para sair daqui com pontos”, referiu Pedro Martins no final da partida. “Vínhamos de um jogo extremamente desgastante do ponto de vista mental e físico”, acrescentou sobre a primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal (vitória por 2-0 sobre o Chaves).

“Primeiro queremos sempre ganhar e quando tal não é possível, empata-se”, disse ainda o treinador que costuma não ser talismã quando defronta o clube onde também jogou.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s